Quarta, 24 de Julho de 2024
Cidades SEXTORTION

Homem é preso pela Polícia Federal por ameaçar divulgar fotos íntimas de adolescente em Teresina

O investigado armazenou e produziu vídeos e imagens de conteúdo de violência sexual infantojuvenil da vítima, diz a polícia

03/07/2024 às 08h07 Atualizada em 03/07/2024 às 08h14
Por: Jafferson França
Compartilhe:
Homem é preso pela Polícia Federal por ameaçar divulgar fotos íntimas de adolescente em Teresina

A Polícia Federal deflagrou a Operação Carcará 5, nesta quarta-feira (03), com o objetivo de proteger vítimas de abuso sexual infantil, na modalidade “sextortion”, em Teresina. 

Um homem foi preso em flagrante durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão na capital, que foi expedido pela 3ª Vara Criminal Federal.   

  "Apurou-se que o investigado chantageou de forma virtual a vítima adolescente, mediante ameaças de divulgação de fotos íntimas, para continuar a obter novas fotos e vídeos de natureza sexual", diz. 

Segundo a PF, essa prática, conhecida por “sextortion” ou “sextorsão”, ocorre quando há ameaça de se divulgar imagens íntimas para forçar alguém a fazer algo - ou por vingança, ou humilhação ou para extorsão financeira. É uma forma de violência grave, que pode levar a consequências extremas.

"O investigado armazenou e produziu vídeos e imagens de conteúdo de violência sexual infantojuvenil da vítima. Ele poderá responder por crimes de armazenamento e produção de material de violência sexual vitimando crianças ou adolescentes, bem como estupro de vulnerável, sem prejuízo da descoberta de outros crimes no decorrer da investigação", afirma. 

A Polícia Federal emitiu alerta aos pais e responsáveis sobre a importância de monitorar e orientar seus filhos no mundo virtual e físico, protegendo-os dos riscos de abusos sexuais. "A prevenção é fundamental para garantir a segurança e o bem-estar das crianças e adolescentes", destaca.

Fonte: Portal A10+ com informações da PF

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias